Definido o protocolo de IATF a ser utilizado no rebanho, alguns cuidados devem ser tomados na execução. 

Algumas providencias devem ser tomadas antes de começar o protocolo em um lote de vacas. Como descrito a seguir:

Quantas vacas o inseminador consegue inseminar antes de ficar cansado?

Naturalmente, após um certo número de vacas inseminadas, a eficiência do técnico pode diminuir, reduzindo a qualidade. Em algum momento, todos os seres humanos se cansam. Esse limite varia entre pessoas.

Alguns técnicos podem começar a perder sua eficiência depois de inseminar 30 vacas, outros podem ficar cansados depois de 50 vacas e alguns outros podem ser capazes de inseminar 100 vacas de forma eficiente. Quando colocado sob pressão, o inseminador pode começar a fazer o trabalho com menos cuidados para terminar dentro do prazo estipulado. Ele pode começar a descongelar muitas palhetas de cada vez, baixando a temperatura descongelador, e demorar mais tempo para depositar o sêmen nas vacas, e assim por diante...

Providencie um assistente para o inseminador!

Para que o trabalho ocorra de forma eficiente e eficaz, deve-se proporcionar mão-de-obra adequada. Se necessário providencie um assistente para o insemindador no dia da IATF. Uma estratégia útil pode ser treinar e designar um assistente para preparar o sêmen e entregar o aplicador preparado ao inseminador, e esse assistente pode também ficar responsável pelas anotações.

Divida o lote de vacas que receberão o protocolo de IATF em dois dias.

Em vez de começar todo o grupo apenas na segunda-feira de manhã, por exemplo, você pode dividir o lote de IATF em dois. Um grupo começa na segunda-feira e a outra metade na terça-feira. Será necessário tomar mais cuidado com as listas, para que as vacas corretas recebam as injeções corretas nos horários corretos. Mas, ao fazer isso, você está otimizando a eficiência do inseminador.

Mais uma consideração importante relacionada ao dia da IATF, as vacas vão ficar trancadas em canzis ou fora do lote um período tempo, portanto deve-se fazer esforços para que esse tempo seja sempre o menor possível. Principalmente no início do uso da IATF é aconselhável trabalhar com lotes menores, até que todos estejam treinados.

E antes de começar o trabalho da IATF, verifique se todos os equipamentos e suprimentos necessários estão prontos. Identifique possíveis problemas antes de iniciar, pois erros e correções podem gastar tempo e comprometer o resultado. A chave aqui é minimizar o tempo em que o sêmen está exposto a oscilações de temperatura e luz solar direta, bom como evitar contaminação. E sempre esteja atendo a esses detalhes listados a seguir:

  1. Certifique-se que o inseminador tem água, sabão e papel disponíveis para manter as mãos sempre limpas;
     
  2. Confira se a temperatura descongelamento está adequada antes de retirar a palheta do botijão;
     
  3. As palhetas precisam ficar na água do descongelamento por pelo menos 30 segundos;
     
  4. Mantenha um inventário organizado do sêmen que permite que a palheta de sêmen seja localizada dentro de 5 a 10 segundos
     
  5. As pinças devem ser usadas para remover as palhetas de sêmen do botijão, tomando o cuidado de manter a caneca abaixo da linha gelada. Se a palheta não for localizada dentro de 10 segundos, a caneca deve ser abaixada de volta para o nitrogênio por pelo menos 10 segundos antes de reiniciar a procura;
     
  6. Descongele um máximo de cinco palhetas de cada vez (a não ser que o inseminador não seja capaz de inseminar 5 vacas em 10 minutos para sêmen sexado, ou em 15 minutos para sêmen convencional). O número real de unidades para descongelar deve ser baseado na eficiência do técnico e nas instalações (distância do descongelador até a vaca, sistemas de contenção das vacas, entre outros fatores);
     
  7. As palhetas devem ser devidamente secas após a retirada do descongelador e protegidos da luz solar. Corte a palheta reto, não em um ângulo, e encaixe no adaptador da bainha de inseminação para evitar refluxo do sêmen;
     
  8. Mantenha sempre papel toalha limpas na mão para limpar a vulva da vaca;
     
  9. Abra os lábios vulvares para evitar tocar o aplicador de sêmen em qualquer coisa que possa contaminá-lo;
     
  10. Empurre o êmbolo do aplicador de sêmen de forma lenta e suave. Complete a tarefa em pelo menos 5 segundos.
Fonte: MilkPoint.
Compartilhe:
Cadastre-se para receber novidades